Arquivo da categoria: Oxímoros

Concurso de Oxímoros da UBT São Paulo (Trovas Vencedoras)


O oximoro ou oxímoro é a figura de pensamento em que se exprime um paradoxo. Consiste na associação de dois termos contraditórios, duas imagens, que na realidade se repelem, que aproximam dois sentidos totalmente incompatíveis. Não se deve confundir com a antítese, uma vez que o oximoro é uma intensificação especial da antítese. Seguem-se alguns exemplos:

“(…)e queima o fogo aquela neve
Que queima corações e pensamentos.”
(Camões, Lírica, “O fogo que na branda cera ardia”)

“ela ouviu as palavras condenadas
Que puderam tornar o fogo frio”
(Camões, Lírica, “Aquela triste e leda madrugada”)

TROVAS VENCEDORAS


1.
A imprensa tendenciosa
é sincera quando mente –
diz a verdade enganosa
à burrice inteligente!
RENATA PACCOLA/SP

2.
Sinto um ventura triste
se estou contigo e sozinho,
enxergo o nada que existe
nos traços de meu caminho…
VANDA FAGUNDES QUEIROZ/PR

3.
Vendo você sorridente,
na foto que me deixou,
sua ausência é mais presente
que a saudade que ficou
CÉLIA GUIMARÃES SANTANA/MG

4.
De antigo romance, instável
a minha lembrança traz
um número inumerável
de calmas noites sem paz!
HERMOCLYDES S. FRANCO/RJ

5.
No pranto em forma de riso
disfarcei a minha dor…
Mesmo à sombra de um sorriso
cabe o ocaso de um amor!
HERMOCLYDES S. FRANCO/RJ

6.
Bendita a alegre tristeza
que ao poeta empresta os dons
com que ele à dor dá a beleza
de um murmúrio em sete tons!
A. A. DE ASSIS/PR

7.
Ter mil bens sem ser do bem,
que triste prazer produz…
– É ter tudo, sem porém,
ter nada que leve à luz.
A. A. DE ASSIS/PR

8.
Pobre riquinha sem freio,
vaporosa e deslumbrada:
pescoço de jóias cheio,
cabeça cheia de nada…
A. A. DE ASSIS/PR

9.
Minha sogra é tão bondosa,
põe prá mim pratada e meia,
pois quer ver-me bem charmosa
com corpinho de baleia!
CÉLIA GUIMARÃES SANTANA/MG

10.
Mesmo que você me ofenda,
eu me vingo ao retorquir:
A sua beleza horrenda
faz o meu pranto sorrir.
VANDA FAGUNDES QUEIROZ/PR

Fontes:

– Colaboração de A. A. de Assis, com página do Informativo da UBT São Paulo, de janeiro de 2012.
– Explicação de Oxímoro = Infopedia
– Imagem = criação por José Feldman com imagens obtidas na Internet
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Oxímoros, Resultados de Concursos, Trovas