Arquivo da categoria: Reflexão

Olympio Coutinho (Caderno de Trovas e Reflexão sobre Amizade)


01
A velhinha no jardim
filosofava sorrindo:
– Não julgo o mundo ruim,
ainda há rosas se abrindo.

02
A superfície do mar
belo cenário formata
quando o clarão do luar
lhe veste um manto de prata.

A amizade é um amor que nunca morre.
Mário Quintana

03
Amor cigano, utopia,
triste busca por alguém;
quem tem um amor por dia
não tem o amor de ninguém.

04
Alegria em plenitude
cultiva dentro do peito
quem dá valor à virtude
e menospreza o defeito.

Para conseguir a amizade de uma pessoa digna é preciso desenvolvermos em nós mesmos as qualidades que naquela admiramos.
Sócrates

05

Ante as barreiras não paro
e minha crença eu não mudo:
– Que valor teria o claro
se não existisse o escuro?

06
Ante tanta aberração
num mundo fora dos trilhos
pergunto ao meu coração:
– O que eu ensino aos meus filhos?

O ódio dos fracos não é tão perigoso como a sua amizade.
Luc de Clapiers Vauvenargues

07

Bem se vê pelos olhares
que se cruzam no salão
que na cabeça dos pares
também dança… a tentação.

08

Busque sempre renovar
toda sua trajetória;
os que resolvem ousar
são os que fazem a história.

Um amigo se faz rapidamente; já a amizade é um fruto que amadurece lentamente.
Aristóteles

09

Da infância levanto o véu
de uma alegre brincadeira:
descobrir bichos no céu
numa nuvem passageira.

10

Com olhares tu fizeste
do coração uma cela,
e com teus beijos puseste
meu coração dentro dela.

O ser humano tem até de experimentar o amor, para que compreenda bem o que é a amizade.
Sébastien-Roch Chamfort

11

Cultiva a fraternidade
como quem cultiva a terra;
quem planta grãos de amizade
não colhe os frutos da guerra.

12

De meu pai, a honestidade,
de minha mãe, a ternura:
por isso, em meio à maldade,
mantenho minha alma pura.

As ligações de amizade são mais fortes que as do sangue da família.
Giovani Boccaccio

13

Diga não ou diga sim,
revele logo o que pensa;
o seu talvez para mim
é pior que a indiferença.

14

De meu pai, a honestidade,
de minha mãe, a ternura,
por isso, em meio à maldade,
mantenho minha alma pura.

A amizade é, acima de tudo, certeza – é isso que a distingue do amor.
Marguerite Yourcenar 

15

Desprezo eu senti de fato
ao ver em seus escaninhos
aquele nosso retrato
rasgado em mil pedacinhos.

16

Essas rosas que florescem
em jardins de casas pobres
são as mesmas que fenecem
enfeitando covas nobres?

Como as plantas a amizade não deve ser muito nem pouco regada.
Carlos Drummond de Andrade

17

Esta dor que me devora
em dois versos se resume:
gostei de muitas e agora
de todas tenho ciúme.

18

Eu creio na honestidade,
na justiça clara e reta,
no fim da desigualdade…
Não sou louco… eu sou poeta.

A melhor maneira de começar uma amizade é com uma boa gargalhada. De terminar com ela, também.
Oscar Wilde 

19

Enrubesceste, engraçado,
porque, amor, te beijei;
imagino o teu estado
se eu fizesse o que pensei…

20

Este abismo que o rancor
instalou na humanidade
só poderemos transpor
pela ponte da amizade.

Dos amores humanos, o menos egoísta, o mais puro e desinteressado é o amor da amizade.
Cícero

21

Existe um grande desgosto
na lágrima, que a brilhar,
vai rolando pelo rosto
dos que não querem chorar.

22

Eu creio na honestidade,
na justiça clara e reta,
no fim da desigualdade…
– Não sou louco… Eu sou poeta!

Mais prudente do que o amor, a amizade dispensa os juramentos.
Maurice Chapelan 

23
Eu não tenho o que queria,
mas sou feliz mesmo assim;
faço a minha terapia
na mesa do botequim.

24

Felicidade, um ranchinho
e, dentro dele, nós dois;
nove meses de carinho
e um molequinho depois.

A única amizade que vale é a que nasceu sem razão.
Arthur Schendel

25

Finges desprezo e eu não ligo,
vejo amor no teu olhar;
como diz ditado antigo:
quem desdenha quer comprar.

26

Feliz de quem não permite
que o domínio da razão
seja mais forte e limite
o que sente o coração.

A amizade que acaba nunca principiou.
Públio Siro

27

Hoje em dia pouco resta
do nosso amor, que passou:
tristes restos de uma festa
depois que a festa acabou.

28

Juventude, o procurar
permanente de viver,
enquanto a busca durar
ninguém vai envelhecer.

A amizade é semelhante a um bom café; uma vez frio, não se aquece sem perder bastante do primeiro sabor.
Immanuel Kant

29

Na imensidão do universo
tenho, em minha pequenez,
toda a grandeza de um verso
de um poema que Deus fez.

30

Nada recebe quem nega
dar amor ou coisa assim;
só colhe flores quem rega
dia e noite o seu jardim,

O amor passa, a amizade volta, mesmo depois de ter adormecido um certo tempo.
George Sand

31

Não fuja dos seus caminhos
nem busque atalhos a esmo;
quem tem medo dos espinhos
não acha a flor em si mesmo.

32

Nas noites claras de lua,
no desenho da calçada,
vejo a silhueta sua
à minha sombra abraçada.

O amor pode morrer na verdade, a amizade na mentira.
Abel Bonnard

33

Neste teatro que é a vida
(e a vida é uma somente)
prefiro o palco, querida,
do que ser mero assistente.

34

No alpendre do casarão,
em comovente vigília,
Dirceu cantava a paixão
em versos para Marília.

35

Noel Rosa bem sabia
o que mata uma paixão:
a noite triste e sombria
sem luar e sem violão.

36

Nunca ofereça amizade
quando a mulher quer amor;
é como dar caridade
a quem lhe pede um favor.

A amizade pode converter-se em amor. O amor em amizade…nunca.
Albert Camus

37

Meu pai, que eu nunca esqueci,
veja em mim a tua glória;
segui teus passos, venci,
é tua a minha vitória!

38

Papai Noel, a cegonha,
lendas que mamãe contou;
deixei de crer, por vergonha,
e a minha infância acabou.

A verdadeira amizade é como a saúde: o seu valor só é reconhecido quando a perdemos.
Charles Colton

39

Partiste, mas, na saudade,
eu só peço ao Criador
que a tua felicidade
seja igual à minha dor.

40

Oferecendo a miragem
de uma vida sem escolta, 
o vício vende passagem
para a viagem sem volta.

A amizade duplica as alegrias e divide as tristezas.
Francis Bacon

41

O trem da vida ao destino
chega no horário marcado;
– Por que não desce o menino
que embarcou tão animado?

42

Perdida não é a bala,
que gera um medo profundo,
mas aquele que se cala
ante a violência do mundo.

A verdadeira amizade é aquela que nos permite falar, ao amigo, de todos os seus defeitos e de todas as nossas qualidades.
Millôr Fernandes

43

Por mais que esta vida o açoite
prossiga na caminhada;
depois do negror da noite
sempre surge a alvorada.

44

Privado da liberdade,
o passarinho, a cantar,
exprime a dor da saudade,
já que não sabe chorar. 

O amor é cego, a amizade fecha os olhos.
Blaise Pascal

45

Quem cultiva uma amizade
dentro do seu coração
pode morrer de saudade
mas nunca de solidão.

46

Remorso rude, mesquinho,
está ferindo o meu peito;
chamou-me “filho” um velhinho
com quem faltei ao respeito.

Ainda que seja raro o verdadeiro amor, é no entanto menos raro que a verdadeira amizade.
François La Rochefoucauld

47

Sorria a todo momento
por pior que esteja a vida;
quem sorri no sofrimento
torna a dor mais resumida.

48

Sou prisioneiro feliz
e não busco outros espaços;
esta sorte eu sempre quis:
ficar preso nos teus braços.

A amizade não precisa de palavras – é a solidão sem a angústia da solidão.
Dag Hammarkskjod

49
Trate todos como gente,
pois somos todos iguais;
nenhum ser é diferente
por ter pouco ou por ter mais.

50

Uma lágrima infinita
surgindo nos olhos teus…
Foi a forma mais bonita
de você dizer-me adeus. 

Há duas espécies de chatos: os chatos propriamente ditos e … os amigos, que são nossos chatos prediletos.
Sócrates

Fonte:
Colaboração do Trovador
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Reflexão, Trovas

Jorge Luis Borges (Instantes)

Se eu pudesse viver novamente a minha vida,
na próxima trataria de cometer mais erros.

Não tentaria ser perfeito; relaxaria mais.

Seria mais tolo do que tenho sido; na verdade,
bem poucas coisas levaria a sério.

Seria menos higiênico.

Correria mais riscos, viajaria mais, contemplaria mais entardeceres,
subiria mais montanhas, nadaria mais rios.

Iria a lugares onde nunca fui,
tomaria mais sorvetes e menos lentilhas,
teria mais problemas reais e menos problemas imaginários.

Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e produtivamente
cada minuto de sua vida; claro que tive momentos de alegria.

Mas, se pudesse voltar a viver, trataria de ter somente bons momentos.
Porque, se não sabes, disso é feita a vida, só de momentos,
não percas o agora.

Eu era um desses que nunca ia a parte alguma sem um termômetro,
uma bolsa de água quente, um guarda-chuva e um pára-quedas;
se eu voltasse a viver, viajaria mais leve.

Se eu pudesse voltar a viver, começaria a andar descalço
no começo da primavera, e continuaria assim até o fim do outono.

Daria mais voltas na minha rua, contemplaria mais amanheceres
e brincaria com mais crianças,
se tivesse outra vida pela frente.

Mas vejam, tenho 85 anos
e sei que estou morrendo…

Fonte:
Átila José Borges (coligidas por AJB). As 100 mais belas mensagens. Curitiba: Editora Entre Nuvens e Estrelas.

Deixe um comentário

Arquivado em Reflexão

Cláudio de Souza (Reflexão)

“Só morre o homem que viveu apenas a vida do corpo. Esse devolve à terra tudo que recebeu. Mas os homens que refletem sua vida na vida dos outros, os que se transpõem de si mesmos para a coletividade, deixam na herança luminosa a eficiência póstuma da ação fertilizante. Do túmulo dos primeiros nenhuma luz se acende além dos fátuos fogos da decomposição; do túmulo dos segundos, a luz duradoura que ultrapassa os séculos”.

Cláudio de Souza (1876 – 1952)
_________
Fonte:
Edson Ribeiro Scabora. Pais & Filhos: a arte de educar nossos filhos transformando crianças em homens. Maringá,PR: Ed. do Autor, 2008.

Deixe um comentário

Arquivado em O Escritor com a Palavra, Reflexão

Momento de Reflexão

Deixe um comentário

8 de outubro de 2008 · 13:56